quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

SOMOS UM



Realizamos de 17 a 21 de dezembro o Congresso Nacional de Líderes da Cruzada Estudantil. Nosso diretor para América do Sul foi o preletor oficial. Somos UM: Uma visão uma missão e um movimento foi o tema do congresso. A cada dia, Rolando Justiniano ministrou uma parte do tema: visão, missão e movimento. O que ficou mais marcante pra mim pessoalmente, é que a visão que temos como organização, não vem de nós mesmos, vem do próprio Jesus quando mencionou em Mateus 28:18-20 que deveríamos ir por todo o mundo fazer discípulos. Qualquer seguidor de Cristo que não se compromete com essa visão e não faz disso a sua missão, está em desarmonia com o plano de Deus. Tive a oportunidade de ministrar num dos devocionais, falando sobre a Graça de Deus e também ministrei uma oficina sobre "Inteligência Emocional". Sai muito motivada e emocionada com o que Deus fez naqueles dias.

Na foto grande, orávamos pelos novos missionários que entraram na CEPC neste ano! Bendito seja Deus que continua trazendo trabalhadores para Sua Seara!

terça-feira, 20 de novembro de 2007

UMA ABORDAGEM BÍBLICA DE RECURSOS HUMANOS


Cheguei no sábado de Orlando e graças a Deus fiz ótima viagem de regresso. Apenas hoje consigo sentar e escrever um pouco. Na verdade, minha cabeça está cheia de projetos e para ser sincera, nem sei por onde começar. Minha tarefa agora é eleger uma ou duas pessoas para que ocupe meu papel aqui no Brasil, enquanto eu penso em Recursos Humanos para América do Sul. Especialmente em países onde há mais missionários, terei que eleger pelo menos uma pessoa para coordenar Recursos Humanos local.

Embora eu já soubesse foi muito bom ouvir novamente a Deus, mostrando-me como o trabalho de retaguarda (esse que eu faço) é tão importante como o da vanguarda. Em Atos 6 quando os discipulos receberam reclamação do povo porque as viuvas estavam sendo negligenciadas na distribuição dos alimentos, eles escolheram sete pessoas de bom testemunho, cheias do Espirito e de sabedoria para fazer esse tipo de “serviço” que não era diretamente a pregação “falada”, mas que era tão importante quanto, deixando então os apóstolos livres para o exercício da pregação e da oração.Aparentemente esse trabalho era de “menor” importância e o perfil desses obreiros também era diferente. No decorrer da história no entanto, percebemos que eram tão capacitados e com a mesma seriedade no serviço quanto os "pregadores". Desta lista de homens, encontramos Estevão, um homem cheio de graça e de poder de Deus, que realizava grandes milagres e sinais entre o povo. Morreu como mártire! Essa parte não creio que preciso passar rs.rs.rsLógico que essa percepção encheu-me ainda mais de motivação para fazer o trabalho que faço, facilitando o trabalho do missionário da linha de frente, cuidando de áreas que pelo fato de estarem na linha de frente não poderiam fazê-lo. Que Deus me ajude a fazê-lo com tanta seriedade quanto aqueles homens. Não preciso dizer que conto com suas orações a Deus para que Ele me encha de graça e de sabedoria para essa nova fase do ministério.

Obrigada a todos que oraram por mim e me apoiaram nessa viagem!

domingo, 11 de novembro de 2007

CADA UM DÁ SEGUNDO AS SUAS POSSES!


É muito comum encontrar cristãos dizendo que gostariam muito de contribuir com a obra missionária mas não podem. Entra ano e sai anos e a pessoa continua com o mesmo discurso. Tenho aprendido que, se formos esperar ter para dar, provavelmente nunca daremos. Lendo o apóstolo Paulo em 2 Corintios 9, ele diz que cada um deve contribuir segundo o que tem e não o que não tem.

Tive uma experiência maravilhosa na semana passada. Dirijo uma reunião de pequeno grupo e a anfitriã do grupo me chamou dizendo que há um ano, Deus havia falado com ela pra suprir uma necessidade que eu tinha como missionária. Ela sabia da necessidade, orou a Deus e Deus disse a ela que deveria ajudar-me. Mas.... ela pensou. Não tenho agora, o que fazer? Deus deu a ela uma estratégia. Uma das aulas que ela ministra como professora de pós graduação, ela decidiu reservar esse dinheiro para investir em missões.

Um ano após Deus ter falado com ela e silenciosamente ter obedecido a Deus, essa irmã querida procurou-me e disse o seguinte: "Eu sei que você precisa de um carro e Deus me tocou para ajudá-la nisso. Separei essa quantia para você dar de entrada em seu carro e eu ajudarei pagando a metade do financiamento.

Não é preciso dizer que recebi a notícia chorando, louvando a Deus pelo cuidado e especialmente pela fidelidade desta querida irmã, que durante um ano trabalhou aos sábados para ter esse dinheiro e oferecer como aroma suave ao Senhor. A obediencia dela, gerou em mim louvor e adoração e eu sei que fará o mesmo tantos quantos ouvirem essa história.

Como missionária, tenho aprendido também a tirar de meus recursos para ajudar a outros. Se eu como missionária não fizer isso, como posso esperar que outras pessoas farão? Não preciso esperar ter muito sustento para participar, preciso sim é ter um coração disposto a dar daquilo que tenho recebido do Senhor.

domingo, 7 de outubro de 2007

ACABOU A CAMPANHA DE 21 DIAS

Hoje, encerrou o tempo de oração e jejum comunitário dentro da Cruzada Estudantil. Embora tenha terminado "corporativamente" não termina de fato, porque continuamos buscando a Deus insistentemente e de todo o coração, até que vejamos salvação, edificação, santificação e frutos, brotarem em nosso meio.

Quando começamos, eu particularmente tinha em mente o texto de Jeremias 33:3 - "Clama a mim e eu responderei e lhe direi coisas grandiosas e insondáveis que você não conhece". Hoje, depois desse tempo de busca, leio em Isaias 48: 6: "de agora em diante eu lhe contarei coisas novas, coisas ocultas, que você desconhece". É como se o texto de Isaias viesse como consequencia de Jeremias.

Deus mostrou muitas coisas particularmente pra mim do que deveria ser mudado e consertado em meu coração e agora, depois destes dias todos é que me conscientizo que isso é apenas o começo daquilo que Ele quer fazer. Esse é o tempo e quero aproveitá-lo. Que Deus tenha misericordia de mim! e de nós!

sexta-feira, 21 de setembro de 2007

21 DIAS DE ORAÇÃO E JEJUM

Estamos vivendo um momento muito decisivo como cidadãos, como cristãos, como pessoa. Dentro da Cruzada Estudantil, onde faço parte como missionária, decidimos entrar num período de oração e jejum para pedir a ajuda de Deus. Acredito que todos nós ansiamos por mudanças. Que mude o nosso ministério, que mude a forma como nossos líderes conduzem as coisas, que mude o governo, que mude..... que mude.... mudanças enfim!

A questão é que normalmente, ao detectarmos os pontos que segundo a nossa percepção deveriam mudar, de modo geral, não perguntamos o que EU POSSO FAZER PARA MUDAR?.
Geralmente, o que vem à mente é o que eu espero que mudem. Lendo Jeremias 17:5-10, ele está fazendo uma comparação do homem que confia em Deus e do homem que confia em sí mesmo ou em outro homem.

O texto afirma que a pessoa que confia em si mesmo ou em outros, será como um arbusto plantado no deserto, sozinho e que não perceberá quando lhe vier o bem. Interessante que é exatamente assim que eu percebo as pessoas que ficam sentadas esperando como expectadores que as coisas mudem. O mais intrigante é que as coisas até mudam, mas elas não têm a percepção da mudanca, continuam com o discurso repetitivo, esperando que algo novo aconteça.

Em contrapartida, o homem que confia em Deus será como uma árvore, que tem raizes num ribeiro, não teme quando vem o calor, porque suas folhas sempre estão verdes. Há muitas coisas que eu vejo aqui, mas especialmente a questão de não temer o calor. Estamos no meio de fogo cruzado. Estamos como disse o Apóstolo Pedro, sendo provados como por um fogo, mas essa pessoa que confia em Deus não teme isso, porque ela tem raiz. Não vai perder a estrutura, não vai morrer facilmente.

Pensando nisso, eu decido confiar em Deus. Eu sei e oro para que Ele mude as coisas dentro de mim e a partir de mim. Quero ser uma árvore sadia, que dá frutos, que produz sombra. Não quero ser como um arbustro, sem raizes e que vive solitário no deserto. Na verdade, estou cansada de dizer e ouvir dizer que as coisas precisam mudar. É verdade, urge mudanças, mas o que vamos fazer? Ficar sentados esperando que alguma coisa mude, ou vamos mudar a partir de nós. Se esse país precisa de mudanças, de gente mais honesta, de missionários mais ousados, de gente de oração, que crê no poder de Deus, então eu quero que comece a partir de mim.

Que nestes dias de oração e jejum, Deus nos dê a graça de ter um coração que confia nEle, que dependa dEle, que permita que Ele mude as coisas à partir de nós. Afinal de contas, esse coração é enganoso, corrupto e doente. Ele precisa mais de Deus!

terça-feira, 28 de agosto de 2007

IEDA DÁ ENTREVISTA PARA REVISTA IGREJA

A Cruzada Estudantil e Profissional para Cristo é um movimento cristão que está espalhado pelo mundo todo. Infelizmente no Brasil ela é pouco conhecida. Para minimizar essa situação, a CEPC está procurando mostrar sua cara, falando de seus ministérios e das estratégias que Deus nos tem dado para ajudarmos a alcançar as nações para Cristo.
Com esse propósito, neste mês a revista IGREJA publicou uma reportagem falando sobre a CEPC e a Ieda Maria de Oliveira, por ser a missionária com mais tempo de ministério ativo no Brasil, deu uma entrevista falando do alcance dos ministérios. Vale a pena conferir.

MADALENA LIVRE DA CULPA

A Cruzada Estudantil estará lançando na Expo Cristã, o filme Jesus, edição especial para mulheres - "Madalena Livre da Culpa".
Um filme muito tocante que mostra Maria Madalena narrando o seu encontro com Jesus e como este mudou a sua vida. Vale a pena adquirir o DVD e ter em mãos para empréstimo, presentes, ou seja, uma ferramenta evangelistica para ser utlizada para mulheres. Clique no título acima para obter mais informações sobre o filme no site.

domingo, 29 de julho de 2007

CASAL DE MISSIONÁRIOS EM PORTUGAL

















Trabalhei por um pouco de tempo com André, Andrezinho como o chamávamos carinhosamente. Na ocasião, ele passou um tempo na Cruzada Estudantil, servindo a Deus em tempo integral por um período de um ano. Lógico que eu gostaria que ele estivesse conosco definitivamente, mas os planos de Deus eram outros. Ele se casou com Daniela, uma mulher maravilhosa, que estava muito bem colocada como advogada. O chamado de Deus para eles foi bastante especifico, o que prontamente obedeceram. Estão hoje em Portugal, trabalhando na APEC.

Louvo a Deus pelo despreendimento e disposição que Ele mesmo coloca no coração das pessoas a quem Ele chama para servi-lo.

sexta-feira, 20 de julho de 2007

"... se alguém olhar para a terra, verá trevas e aflição; até a luz do dia obscurecida pelas nuvens"

O texto acima é de Isaias 5:30. É assim que vejo hoje nossa terra, especialmente a cidade de São Paulo. É como se pairasse uma núvem de trevas sobre nossa cidade. Tantos desastres e calamidades. Recentemente o acidente do metrô que impactou-nos tanto, agora esse acidente da TAM tirando vidas coletivamente. Minha pergunta é: o que faremos como igreja de Jesus? Se nosso papel neste mundo é sermos sal e luz, então o que podemos fazer nessas situações?

Eu pessoalmente fui ao IML para ver se poderia estar mais de perto de uma das famílias vítimas desse acidente. Não encontrei ninguém apenas reporteres. Ofereci meus serviços ao Aeroporto de Congonhas. À distancia no entanto, sinto-me responsável em oferecer a Deus orações e súplicas por essa terra, para que Ele dissipe essa núvem. Não sou ingênua a ponto de pensar que ficar aqui orando apenas resolverá a situação. Se há uma forma de mudar isso é trazendo o maior número possível de pessoas para o Reino da Luz. Exatamente por isso, busco a ajuda de Deus para envolver-me com mais seriedade no discipulado de pessoas para que essas pessoas, uma vez assistidas, possa assistir a outros e assim sucessivamente. É assim que irá crescer o Reino de Deus.

Se você leu essa postagem, junte-se a mim, orando para que Deus traga a nosso país uma consciencia da urgência dessa hora. Que Ele nos faça refletir sobre a forma como estamos gastando nossas vidas. O que vale mais a pena investir o nosso tempo? O que ao fazer arduamente resiste a eternidade? É disso o que eu falo. Muitas coisas que nos desgastamos demais e investimos tempo e dinheiro ficarão aqui e não durarão a eternidade. Pessoas duram, coisas passam! Vamos nos envolver com pessoas, atraíndo-as a Cristo. Isso é o que vale!

sexta-feira, 13 de julho de 2007

VOCE É CRISTÃ? - NÃO, SOU EVANGÉLICA!

É isso mesmo o que ouvi hoje quando abordei uma mulher. Uma bíblia aberta no escritório dela, o meu desejo de conversar sobre Jesus, etc.... Logo uma pergunta que não queria calar: "Você é cristã?" E para minha surpresa ela disse: - "Não, eu sou evangélica".

Esbocei um sorriso e então fiz uma afirmação meio que perguntando: Se você é evangélica, então você deve ser uma cristã?! Depois de um sorrizinho, ela entendeu e concordou comigo.

Saí de lá intrigada com a situação. Dá pra ser evangélica sem ser cristã? Dá pra ser cristã sem ser evangélica? Minha inquietação é no sentido de que nossos "rotulos" denominacionais estão ficando acima do cristianismo puro e simples. Se ser cristão é ter Jesus Cristo morando no coração, como Salvador e Senhor, então, o que vale mais, ser evangélica (rótulo) ou ser simplesmente cristão? Vale a pena refletir.... Até porque hoje em dia, o rótulo de evangélico, não está ajudando muito. Na verdade afasta! Com tantos escandalos que ouvimos hoje, eu prefiro ser simplesmente cristã! E você?

quinta-feira, 5 de julho de 2007

DIRETO DA CORÉIA DO SUL

Desde o dia 30 de junho, um grupo de 30 brasileiros, entre estudantes e missionários da Cruzada, está participando do CM 2007. Campus Mission 2007 é um evento que está reunindo milhares de "alfaeomeguenses" do mundo inteiro, são 130 países representados na Coréia do Sul para um tempo de treinamento, inspiração e desafio para irmos a todos os campi onde ainda não existe um movimento espiritual. Louvo a Deus pela extensão desse ministério. Lembro-me quando entrei na Cruzada... eramos um grupo pequeno, ainda meio tímido na universidade e hoje chegar onde chegamos. No Brasil já estamos em 45 campis em 20 cidades diferentes, mas ainda falta muito!
Se você tem facilidade no inglês, acompanhe as ministrações diretamente da Coréia do Sul. Clique no título acima e assista aos vídeos. Muito bom!

sexta-feira, 22 de junho de 2007

EVANGELIZANDO NOS JOGOS PAN-AMERICANOS 2007

Os Jogos Pan-americanos de 2007 serão realizados na cidade do Rio de Janeiro com mais de 5.000 atletas dos 42 países do continente americano, disputando 28 modalidades esportivas. Aproveitando a situação a CBME - (Coalizão Brasileira de Ministérios Esportivos, formada por agências missionárias e igrejas envolvidas com a proclamação do Evangelho através do esporte), mobilizou igrejas e agencias missionárias, para atuarem na área de evangelismo durante o PAN. A CEPC não ficou de fora! Janiê coordenadoa do ministério de música da CEPC estará presente juntamente com a banda que se apresentou no Projeto Missionário em Recife. Em 17 dias eles farão 17 shows. A equipe de Alfa e Omega (ministério que trabalha junto a estudantes universitários)já ministrou um curso de evangelismo e estará em massa também trabalhando na evangelização pessoal.
Contamos as orações das pessoas: Pela vida da Janiê e de tudo o que ela ainda precisa para o evento. Pelos volutários que irão tocar, as pessoas que ouvirão o Evangelho e também por finanças. Esse evento custa dinheiro. Como a banda usará música secular para atrair pessoas, será preciso pagar direitos autorais das musicas utilizadas. Entre uma música e outra, um testemunho de como Cristo tem mudado as vidas. A equipe de evangelismo que não estará no palco, mas em terra, estará abordando as pessoas para evangelismo. É preciso realmente cobrir esse evento com orações. Clique no título desta postagem para entrar no site do MAIS QUE OURO.

quinta-feira, 7 de junho de 2007

QUANDO FAZER O CERTO PARECE ERRADO


Ao descer hoje numa estação do Metrô, sentei numa daquelas cadeiras para esperar o trem. A meu lado, uma moça aparentando uns 20 anos, com um bebe no colo, chorava silenciosa. Dava pra perceber que o seu choro era dolorido, vindo de dentro. A seu lado, senti-me tão tocada e compadecida. Eu queria de alguma maneira ajudá-la. Mas como? Perguntei-lhe cautelosamente se ela gostaria de falar. Ela apenas meneou a cabeça afirmando que sim. Depois de uns segundos ela disse que estava perdida! Perdida como?! Pensei. Desceu em estação errada? Errou o caminho?

Mãe de dois filhos, um de seis anos e uma menininha que tinha no colo com 1 ano de idade. Estava passando muita necessidade em Campinas, veio atrás da mãe que morava perto da estação Armênia. Veio para ver se a mãe poderia ajudá-la pelo menos com uma cesta básica. Ao chegar na casa, descobriu que sua mãe se mudara. Dizem que voltou pra Bahia por causa de tanta necessidade. Desconsolada, porque veio com a passagem apenas da ida, não tinha como voltar para casa. Segundo ela, as vizinhas ficaram com o filho de 6 anos, fizeram uma vaquinha e conseguiram o dinheiro para ela vir.

Conversamos por um longo tempo. Fiquei quase uma hora ouvindo a sua história. Ficou grávida aos 16 anos e hoje mora numa casa que é da sogra. O seu companheiro voltou pra morar com a mãe, porque não consegue arrumar emprego e fica muito nervoso porque não tem o que dar para as crianças. Essa mãe então, vem para São Paulo para buscar ajuda. Agora.... estou perdida, disse ela, não sei mais o que fazer.

Compadecida com sua história, fui checando as informações e de uma certa forma, procurando dar uma orientação a uma jovem mãe de 22 anos de idade. Lógico que nossa conversa nos levou até Deus. Ela já tinha o conhecimento de Deus, visto que frequentou na Bahia uma igreja evangélica. No final de nossa conversa, ela até sorrindo me disse que Deus escreve certo por linhas tortas, quando conseguiu fazer um link com sua vinda tão sem rumo para São Paulo. Isso porque aqui ela ouviu alguém dizendo... volte para Deus. Falei a ela do amor que Jesus teve por ela na cruz.

Confesso que enquanto a ouvia e buscava orientá-la quanto às coisas da vida, como lidar com esse companheiro etc... me ocorria um conflito muito grande. O que fazer com ela depois? Deixá-la sentada chorando? Posso ainda sentir o seu hálito horrivel de fome, emagrecida, abatida com uma criança no colo. E se ela estivesse mentindo? Quantas histórias ouvimos parecida com essa? Será que temos que ajudar ou devemos deixá-la para o sistema? No final, lembrei-le de Jesus: Dê a quem te pede..... e também.... tive fome e não me deste de comer, tive sede e não me deste de beber.... como é que ficam essas questões? Será que eu deveria dar o dinheiro da passagem de volta ou deixá-la ali na responsabilidade do Metrô?

Numa sociedade com tantas mentiras, com tantos enganos, com tanta sujeira como não errar em nosso discernimento? E se eu deixo pra lá e a menina estava falando a verdade? E se eu me envolvo e ela estava mentindo? Bem.... como não sou o Espírito Santo, e tenho um mínimo de consciência para fazer um razoável julgamento.... ajudeia-a a voltar pra casa, depois de ter desejado as bênçãos de Deus sobre a vida dela.

Que Deus guarde e a ajude a encontrar o caminho! Eu sei que o tempo que passamos ali sentadas foi um tempo muito sincero. Valeu depois o abraço apertado e as lágrimas de gratidão e o desejo dela de que Deus me recompensasse. Ela voltou com o firme propósito de voltar para casa, não só a terrena, mas à casa de seu pai Celestial.

sábado, 2 de junho de 2007

Centro de Treinamento Missionário


Acabo de chegar do CTM (Centro de Treinamento Missionário) localizado em Americana, Recanto SAL. Estão vivendo em forma de comunidade 17 alunos, dos quais, a maioria expressa o desejo de se tornar missionário da Cruzada Estudantil. Este treinamento é dirigido apenas aos candidatos a missionários que trabalharão no "FILME JESUS", um dos ministérios da Cruzada Estudantil.
Estive ministrando sobre Batalha Espiritual e numa brechinha à tarde, participei de um bate papo informal com as mulheres. Foi interessante ouvi-las, tomar contato com suas crenças, expectativas, sonhos, etc... de ser mulher.
Sai dali com muita vontade de preparar talvez uma palestra, algumas dinâmicas não apenas para as mulheres, mas também para os homens, abordando um pouco sobre relacionamento interpessoal, feminilidade, masculinidade, etc...
Choca-me a aspereza com que alguns rapazes se referem às mulheres, sobre o trabalho delas e como muitas vezes, e agora me incluo, nos calamos e deixamos o barco correr. Num pais machista, e dependendo da região de onde esses homens são criados, é um desafio conscientizá-los, de que não é falando grosso que um homem mostra ue é homem e tampouco a mulher se fragilizando, se mediocrizando, torna-se mais mulher.
Foi bastante elucidativo estudar a criação em Genesis capítulo 3 e perceber como a queda do homem trouxe tantas distorções não apenas para a sua visão de mundo, de Deus, do outro e de nós mesmos.
É preciso resgatar essa identidade e acima de tudo, o valor com que Deus o criador, formou a humanidade. Vou pensar sobre esse assunto

sexta-feira, 25 de maio de 2007

CONCENTRAÇÃO PÚBLICA PARA ORAÇÃO

Dias 26 e 27 de maio, haverá em vários lugares uma concentração pública para oração em favor do mundo. É evidente que precisamos continuar orando em favor de alguns pontos relevantes: Deus está convocando o seu povo para orar!

Individual: Quebrantamento, confissão e abandono do pecado e vida de santidade;
Família: Cura de relacionamentos e salvação de parentes e vizinhos;
Igreja: Unidade do Corpo de Cristo, fidelidade à Bíblia e avivamento que gere evangelismo discipulado e missões;
Cidade: Paz em minha cidade, por uma igreja comprometida com a transformação da nossa cidade, pela moralização social, política, econômica, extinção da criminalidade, pela redenção e restauração das famílias.
Brasil: Transformação social, econômica, política e espiritual do nosso país, trazendo retidão e justiça de Deus; pelas autoridades dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciários; dos governos Federal, Estadual e Municipal: Presidente e Vice-Presidente da República, Ministros, Deputados, Senadores, Governadores, Prefeitos, Juízes, Promotores, Policiais e outros.
Mundo: Uma igreja para cada povo, a Bíblia traduzida para todas as línguas e o Evangelho acessível para cada pessoa no Brasil e no mundo.

ESCOLHAS

No começo deste ano, a Cruzada Estudantil e Profissional para Cristo, iniciou mais um ministério: “ESCOLHAS”.
Escolhas é um programa de desenvolvimento de caráter e habilidades em que os jovens são capacitados a fazerem escolhas que irão impactar positivamente suas vidas e a sociedade. Este programa aborda desde prevenção ao HIV/AIDS e outros problemas sociais, como consumo de drogas, álcool, gravidez precoce, violência e criminalidade. É um programa direcionado para jovens de 11 a 15 anos.
Mais de 11.000 mil pessoas são infectadas pelo HIV diáriamente. A cada minuto, oito pessoas se contaminam com o vírus. Destes, 50% são jovens de até 24 anos. Pensando nisso, estamos com um projeto piloto em duas escolas, um deles no Liceu de Artes e Oficios de São Paulo. Nesta escola, os jovens participam como matéria optativa e já temos visto alguns resultados.
Temos alguns professores voluntários trabalhando com Rosana Guh, missionária de tempo integral, coordenadora desse projeto.
Este é mais um esforço da Cruzada Estudantil, buscando ajudar a suprir um mundo de necessidades. Você também poderá fazer parte, ajudando em oração ou se você é profissional da saúde e educação, está sendo programado um congresso em outubro. Fique por dentro!

quinta-feira, 10 de maio de 2007

Trabalhando em Equipe

Nestes dois últimos dias estive "retirada" com a Equipe Executiva Nacional da Cepc. Essa equipe composta de 9 pessoas, das quais eu faço parte é uma representação do corpo de missionários da cepc no Brasil, que pretende JUNTOS pensar no futuro da missão no Brasil. Terminei esses dois dias de trabalho extremamente animada em ver como juntos produzimos melhor que separados.
Recentemente nosso diretor nacional deixou a sua posição e em nossas mentes, esperávamos a indicação de uma pessoa para ser o diretor nacional. Rolando Justiniano, boliviano, Diretor para América do Sul e diretor interino do Brasil, depois de vários dias ministrando sobre a importância do trabalho em equipe e sobre estilos de liderança, escolheu um grupo de missionários para compor a chamada Equipe Executiva Nacional da cepc no Brasil: São eles, Junior e Angela dos Santos, Jonas e Geni, Luis Valter e Jucilene, Kátia, Gilberlei e eu.
É bastante trabalhoso trabalhar assim. Implica em investimento de tempo, dinheiro, ânimo, mas como vale a pena. Em cada encontro percebemos como vamos nos alinhando e aprendendo um com outro. Ainda estamos na fase de muitas discussões mas posso afirmar que tenho aprendido muito mais assim do que qualquer curso sobre trabalho em equipe e liderança. É a famosa sinergia!
Se pensamos em alcançar o Brasil para Cristo e aqui ha tanta diversidade, não é possível pensar que uma única pessoa terá a resposta. Acredito que ainda é algo novo para nós como missão e como igreja. Por causa das emergências do dia-a-dia, acabamos trabalhando sozinhos, apagando fogo muitas vezes e por fim desanimados porque sozinhos o grande esforço não teve nenhuma repercussão.
Na época bíblica, quando os Amalequitas vieram atacar a Israel, Moisés disse a Josué: "escolha alguns dos nossos homens e lute contra os amalequitas. Amanhã tomarei posição do alto da colina, com a vara de Deus em minhas mãos". Moisés de fato foi para a colina com a vara de Deus na mão, mas ele sozinho não aguentou ficar ali com os braços levantados, indicando a dependencia de Deus. Apareceram na jogada Arão e Hur para segurarem as mãos de Moisés porque sozinho ele não conseguia mais manter os braços levantados. Interessante que até uma pedra "apareceu" no pedaço para que Moisés sentasse. Quem venceu a guerra? Josué?. Não, quem venceu foi a equipe, cada um deles teve uma função, até a pedra serviu ali de suporte. Aqui está um retrato de que de fato, juntos, fazemos mais do que separadamente.

sexta-feira, 27 de abril de 2007

EVENTO NA COREIA DO SUL

De 30 de Junho a 6 de Julho, a Cruzada Estudantil estará promovendo um evento mundial de missões universitária.

Com o objetivo de levantar uma geração de lideres estudantil e obreiros que caminharão com vidas entregues a Cristo, com intimidade com Ele; capacitados e motivados como construtores de movimentos estudantis e comprometidos em levar o Evangelho aos estudantes e universidades de seus paises e ao mundo inteiro.

Esperamos 20 mil estudantes universitários de 100 países do mundo na Coréia do Sul. Será o primeiro congresso mundial de missões universitárias .Juntos, queremos enfocar no exaltar a Cristo, conectar aos movimentos universitários do mundo e a ajudar a terminar a Grande Comissão de nosso Senhor Jesus Cristo (Mt 28:18-20). Não perca essa oportunidade. Você pode orar, investir ou ir pessoalmente. O Brasil espera enviar 20 estudantes e/ou obreiros para participar desse evento.

segunda-feira, 23 de abril de 2007

CAMPANHA MUNDIAL DE ORAÇÃO

Clique no título ao lado, para ficar por dentro da Campanha Mundial de Oração. A oração é uma das armas mais poderosos que qualquer cidadão poderia lançar mão se deseja ver uma transformação na sociedade. Somos muito rápidos para criticar pessoas que estão em posição de liderança, nos governantes, apontar o que fazem ou deixam de fazer. No entanto, é nosso dever exercer nossa cidadania. Podemos fazê-la de muitas maneiras e uma delas é através da oração. Para muitas coisas dependemos muito dos outros, mas a oração tem aquele aspecto pessoal e individual. Não é preciso depender dos outros para que oremos, eu mesmo, a despeito dos outros, posso começar. Basta alguém se levantar.
Nos tempos de Israel, Deus conclamou o povo dEle para orar:"Se o meu povo..." jejuar, clamar, arrepender-se, Ele abençoaria aquela nação. Ele estaria transformando a nação. Mais adiante no entanto, vemos Deus procurando apenas um homem que pudesse se levantar em favor de um povo, mas Ele não achou. Ele disse que procurou um só homem que se colocasse na brecha em favor da nação mas a ninguém achou.

Quando Deus estava decidido a destruir Sodoma e Gomorra por causa da maldade dos homens, Abraão questiona Deus, perguntando se Ele faria isso se tivesse naquela cidade 50 pessoas justas. É bem interessante ver o transcorrer da conversa dos dois. Abraão foi analisando a situação da cidade e se comprometendo de que talvez ali não tivesse 50 homens justos. E se houvesse 40 justos Deus, você destruiria a terra? pergunta Abraão. Ele pára no número dez, e se houvesse apenas dez homens, o Senhor destruiria a terra? Não foi Deus quem parou a discussão, foi Abraão. Acredito que se Abraão tivesse perguntado pra Deus : e se tivesse apenas um homem, você destruiría, Deus diria um grande NÃO. Isso porque Deus deseja e até espera que alguém daqui, concorde com Ele e em parceria faça alguma coisa.

Bem.... está ai o meu pensamento. Não é facil trazer para nós a responsabilidade. É fácil apontar os outros, mas com a gente mesmo.... bem ai a história é diferente. A teoria na prática é outra. Eu quero fazer parte daqueles que não apenas informam ou denunciam que as coisas andam mal. Eu quero ser parte daqueles que detectam a situação, mas arregaçam as mangas e pergunta-se: O que eu posso fazer para ajudar? No mínimo podemos orar. Vamos orar?

sábado, 31 de março de 2007

RETIRO DE LIDERANÇA


Do dia 26 a 30 de março, estive em retiro com a liderança da Cruzada Estudantil e Profissional para Cristo no Centro de Conveções Santa Mônica, em Guarulhos. Fomos expostos a uma capacitação sobre Quatro Competências, ou Papéis do Líder. Uma abordagem bíblica e atual sobre a forma de liderar. Trabalhamos bastante com estudos de situações reais que enfrentamos no ministério. Um tempo exaustivo mas muito edificante. A Cruzada Estudantil no Brasil está hoje com quase 150 missionários de tempo integral e uma das coisas que urge, é, como líderes aprendermos a trabalhar em equipe. Muito interessante. Tivemos a oportunidade de ouvir Andrea Buczynski, que compõe o grupo de liderança mundial em recursos humanos e Rolando Justiniano, diretor da América Latina.

domingo, 25 de março de 2007

MOVIMENTO INTERNACIONAL DE ORAÇÃO - DIA 24 DE ABRIL

Una-se ao Movimento Internacional de Oração da Cruzada Estudantil e Profissional para Cristo ao redor do mundo. No dia 24 de abril, mais de 26 mil missionários de tempo integral estarão em retiro de oração e jejum, clamando a Deus em favor da terra, com base em 2 Cronicas 7:14. Clique no título acima para acessar o site internacional, onde você obterá os motivos de oração do mundo.

terça-feira, 6 de março de 2007

UNIVERSIDADE! UM LUGAR INÓSPITO AO EVANGELHO?

Por acreditar em missões não somente lá, mas também aqui, transcrevo abaixo um depoimento da Érica Reis, uma nova missionária que trabalha entre os estudantes universitários. Ela faz parte do Movimento Alfa e Omega, um dos ministérios da Cruzada Estudantil e Profissional para Cristo.

"Uma das experências mais marcantes para mim no Campus foi conversar com uma estudante de Biologia de 21 anos. Fiquei impressionada quando ela me disse que se morresse naquele momento não faria a menor diferença, pois, já havia vivido o suficiente para saber que a vida não valia a pena. Pude perceber que ela estava sendo sincera quanto àquela afirmação. Compartilhei meu testemunho pessoal e enfatizei que a única maneira da vida ter sentido é recebendo a Cristo e vivendo para Ele; mostrei também como ela podia fazer isto. Realmente fiquei com um peso no coração por aquela menina, pela sua falta de perspectiva e completa desesperança da vida e dos relacionamentos.

O que também me impressiona é a idéia que algumas pessoas têm sobre as universidades, como se fossem lugares inóspitos ao Evangelho. No entanto, o que eu tenho presenciado é muita correria, estudo, festa, carentes de amor, de atenção e sedentas por Deus. É visivel que os campos estão brancos nas universidades e é um privilégio, para mim, poder fazer parte desta colheita"