quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

PROJETO MISSIONÁRIO DE ESTUDANTES PARA ESTUDANTES


Janeiro é um mês de férias para uns e de muito trabalho para outros. Não foi diferente esse ano, para os missionários do Movimento Estudantil Alfa e Omega. Lideraram dois projetos missionários de estudantes para estudantes universitários no Brasil e um em Angola.

Em Fortaleza, na Universidade Estadual do Ceará, participaram 94 pessoas sendo essas 15 missionários e 79 estudantes. Em Campo Grande, na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, participaram 44 pessoas, sendo 10 missionários e 34 estudantes. Em Angola, ainda não tenho as informações.

Clique no link abaixo para você ter uma pequena visão do que acontece num projeto missionário. Vale a pena conferir. http://www.youtube.com/watch?v=L4xIMjlOCQ4

domingo, 15 de fevereiro de 2009

PROJETO MISSIONÁRIO SERTÃO DA BAHIA

Em janeiro desse ano, uma equipe de 9 missionários da Cruzada Estudantil, 1 missionária da APEC e 37 participantes, fizeram um projeto missionário na cidade de Ruy Barbosa, semi-arido baiano. Não foi uma viagem muito fácil espiritualmente, pois, como todos sabem a Bahia é o berço das religiões afro-brasileiras. Nossos queridos tiveram que lutar muito espiritualmente.

Miguel, o coordenador desse projeto, relata que na rádio da cidade havia propagandas de pais e mães de santo que cobram para desfazer trabalhos de macumba. A chegada deles estava sendo aguardada pelos pais e mães de santo que os entregaram ao diabo num ritual que demorou a madrugada toda. O prefeito da cidade fez um ritual onde sacrificou 13 bodes na praça principal da cidade.

Ao andar pela cidade voce encontra pessoas possuidas pelo demônio 24 horas por dia e muitos, inclusive crentes pensam se tratar de doença mental! Uma dessas pessoas parou diante da escola onde estavam hospedados e disse: “Vocês devem voltar para São Paulo! Porque vocês vieram aqui tirar o meu tesouro?”. O contra ataque a toda esta luta foi usar as armas espirituais que Deus providenciou: a oração, jejum e vigilias de oração. O resultado foi um saqueamento do inferno dos tesouros de Deus que estavam no lugar errado.

Como resultado de muito trabalho de evangelização, oração e jejum, essa equipe apresentou o Evangelho de Jesus a mais de 1.500 pessoas e dessas 700 pessoas fizeram uma oração indicando ter recebido a Cristo. Mais de 150 pessoas receberam o discipulado individualmente ou em grupos. Realmente foi uma bênção esse projeto. Louvamos a Deus por essa equipe e pela vida do Miguel que tem em seu coração um pêso pelo povo baiano.