sexta-feira, 27 de abril de 2007

EVENTO NA COREIA DO SUL

De 30 de Junho a 6 de Julho, a Cruzada Estudantil estará promovendo um evento mundial de missões universitária.

Com o objetivo de levantar uma geração de lideres estudantil e obreiros que caminharão com vidas entregues a Cristo, com intimidade com Ele; capacitados e motivados como construtores de movimentos estudantis e comprometidos em levar o Evangelho aos estudantes e universidades de seus paises e ao mundo inteiro.

Esperamos 20 mil estudantes universitários de 100 países do mundo na Coréia do Sul. Será o primeiro congresso mundial de missões universitárias .Juntos, queremos enfocar no exaltar a Cristo, conectar aos movimentos universitários do mundo e a ajudar a terminar a Grande Comissão de nosso Senhor Jesus Cristo (Mt 28:18-20). Não perca essa oportunidade. Você pode orar, investir ou ir pessoalmente. O Brasil espera enviar 20 estudantes e/ou obreiros para participar desse evento.

segunda-feira, 23 de abril de 2007

CAMPANHA MUNDIAL DE ORAÇÃO

Clique no título ao lado, para ficar por dentro da Campanha Mundial de Oração. A oração é uma das armas mais poderosos que qualquer cidadão poderia lançar mão se deseja ver uma transformação na sociedade. Somos muito rápidos para criticar pessoas que estão em posição de liderança, nos governantes, apontar o que fazem ou deixam de fazer. No entanto, é nosso dever exercer nossa cidadania. Podemos fazê-la de muitas maneiras e uma delas é através da oração. Para muitas coisas dependemos muito dos outros, mas a oração tem aquele aspecto pessoal e individual. Não é preciso depender dos outros para que oremos, eu mesmo, a despeito dos outros, posso começar. Basta alguém se levantar.
Nos tempos de Israel, Deus conclamou o povo dEle para orar:"Se o meu povo..." jejuar, clamar, arrepender-se, Ele abençoaria aquela nação. Ele estaria transformando a nação. Mais adiante no entanto, vemos Deus procurando apenas um homem que pudesse se levantar em favor de um povo, mas Ele não achou. Ele disse que procurou um só homem que se colocasse na brecha em favor da nação mas a ninguém achou.

Quando Deus estava decidido a destruir Sodoma e Gomorra por causa da maldade dos homens, Abraão questiona Deus, perguntando se Ele faria isso se tivesse naquela cidade 50 pessoas justas. É bem interessante ver o transcorrer da conversa dos dois. Abraão foi analisando a situação da cidade e se comprometendo de que talvez ali não tivesse 50 homens justos. E se houvesse 40 justos Deus, você destruiria a terra? pergunta Abraão. Ele pára no número dez, e se houvesse apenas dez homens, o Senhor destruiria a terra? Não foi Deus quem parou a discussão, foi Abraão. Acredito que se Abraão tivesse perguntado pra Deus : e se tivesse apenas um homem, você destruiría, Deus diria um grande NÃO. Isso porque Deus deseja e até espera que alguém daqui, concorde com Ele e em parceria faça alguma coisa.

Bem.... está ai o meu pensamento. Não é facil trazer para nós a responsabilidade. É fácil apontar os outros, mas com a gente mesmo.... bem ai a história é diferente. A teoria na prática é outra. Eu quero fazer parte daqueles que não apenas informam ou denunciam que as coisas andam mal. Eu quero ser parte daqueles que detectam a situação, mas arregaçam as mangas e pergunta-se: O que eu posso fazer para ajudar? No mínimo podemos orar. Vamos orar?